Buscar
  • projetofirstround

O Autista pode praticar esportes?


ūüß© ūü•äūü§ĹūüŹĽ‚Äć‚ôÄÔłŹūüŹčÔłŹūü§ľ‚Äć‚ôāÔłŹ As pr√°ticas esportivas n√£o desenvolvem apenas as habilidades motoras de quem est√° dentro do espectro. Apresentamos v√°rios outros ganhos.


.


Há vários casos em que o esporte, além de melhorar as capacidades motoras de quem está dentro do espectro, aumenta sua atenção, aprimora suas habilidades sociais e contribui para o desenvolvimento da comunicação verbal e não-verbal. Exercícios também ajudam a reduzir a ansiedade, uma característica comum entre pessoas com essa condição, e o peso, algo fundamental se considerarmos que crianças com TEA têm mais chances de serem obesas em relação a crianças neurotípicas.


.


Ainda não existem pesquisas amplas que mostrem exatamente como e quais práticas esportivas favorecem esses ganhos, mas o aspecto social merece destaque. O esporte não só é uma oportunidade de fazer amigos, como ajuda a construir a autoconfiança, e isso impacta positivamente outras áreas da vida da pessoa com TEA.


.


Em alguns casos, ela pode até chegar em um nível mais profissional. Existem atletas dentro do espectro que têm reconhecimento mundial, como o jogador de basquete Anthony Ianni, a nadadora Jessica-Jane Applegate, o surfista Clay Marzo, o velocista Mikey Brannigan e o lutador de MMA John Howard.



.


.


#autismonaotemcara #psicopedagogia #educa #autismosevero #aba #autismom #mundoazul #autismorealidade #asautistas #aspergers #as #sindromededown #abcautismo #autismoerealidade #autistic #tenhoumautistaemcasa #autismspectrumdisorder #teamor #autismon #austim #transtornodoespectrodoautismo #italia #autismoadulto #edeautista #inclusaosocia #autismonoesporte #firtsround #hd360moinhos


9 visualiza√ß√Ķes0 coment√°rio